domingo, 5 de fevereiro de 2012

Brincando com as Frutas

A introdução das frutas na dieta da Valentina começou no mês passado. Ela já experimentou muita coisas , tais como: maçã, mamão, banana, laranja, abacaxi, melão, melancia, manga, pêra, côco, entre outros. Há dentro destas opções algumas preferencias, mas ela costuma comer muito bem tudo o que é oferecido. Mesmo sabendo que muitas crianças, na medida em que crescem, vão deixando as frutas de lado, é ótimo ver o apetite da pequena.

Sempre achei muito importante o cuidado com a alimentação, principalmente das crianças, já que elas são 100% influenciadas (num primeiro momento) pelos hábitos alimentares dos pais. Então, ficava de olho no que entrava na geladeira de casa, e quando fiquei grávida já me preocupava muito em mudar alguns hábitos como tomar refrigerante, comer salgadinhos, bolachas recheadas, essas coisas. O que não foi nenhuma tortura já que nem somos tão apegados assim a "gordura trans".

Mas nem todas as pessoas herdaram hábitos saudáveis e precisam de muito esforço e criatividade na hora de elaborar um prato para os pimpolhos. Pensando nisso, pesquisei algumas soluções práticas para tornar a hora do lanche uma boa oportunidade de iniciarmos a formação de adultos mais saudáveis. São ideias simples e divertidas. Confere as imagens abaixo.






Agora é mãos à obra!

3 comentários:

  1. Ô Fran, valeu mesmo essa postagem! Como mãe de filhotas mais velhas, ainda acrecento que criança SÓ DEIXA DE COMER FRUTA QUANDO NÃO VÊ UMA CONTINUIDADE DESSA DIETA ALIMENTAR NA FAMÍLIA. Lembremos que antes de discurso, somos exemplo. A salada entrou na refeição das minhas princesas bem assim, como esses pratos enfeitados, alface-cabelo, tomate-olhos, cenourinha-nariz.... e até hoje todo dia a gente devora o montro. Inclusive eu. Como disse, dizer pra criança que salada faz bem e voltar ao feijão com arroz, não vale nada! lindo o blog!

    ResponderExcluir
  2. Já chamei Aninha pra ver as fotos! Vamos fazer o pavão e o coqueiro no próximo lanche. Valeu tia Fran!!!!! Beijocas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bi ai que legal que você gostou! É importante saber as experiências de mães com filhos maiores. Como quase não tenho contato com crianças maiores tento me informar o máximo possível sobre todos os assuntos, e é claro sempre ouvindo aquela voz interna né? Inspirações maternas! Beijinhos e saudade de todos vocês.

      Excluir