domingo, 20 de novembro de 2011

Mimos para o Corpo na Gestação

Quem me conhece sabe que sou louca por cremes. Eu tenho um creme para cada coisa; um para o cabelo, outro pro joelho e cotovelo, um para as mãos, outro para os pés, para a região dos olhos, para o rosto. E por ai vai... O mais curioso é que não consigo acabar nenhum pote! Cada prima e amiga que aparece na minha casa geralmente vai embora com um deles.

Quando descobri que estava grávida logo fui pesquisar um creminho para a barriga. Minhas primeiras aquisições foram o creme antiestrias e o óleo de amêndoas da Natura (linha Mamãe & Bebê). O creme está na metade até hoje por que não gostei nem da textura nem do cheiro (enjoado), e o óleo já foi despachado no segundo dia de uso! Não curti essa coisa de óleo. Passava logo após a saída do banho e  me sentia um "galeto" aguardando a hora de ir para o forno! Gente, não deu, muito desagradável. Continuei a busca e alguns dias depois encontrei o creme corporal ultra hidratante de karité da L'Occitane.

Este creme é muito bom, com extratos de amêndoa, mel e vitamina E. Uma textura densa e um cheirinho suave. O preço é salgado mais compensa. Em nove meses de gestação foram dois potes (até o final). Quando fui comprar o creme a vendedora veio me mostrar o óleo de amêndoas da marca, e eu com aquela experiência anterior fiquei desconfiada. Ela passou o tal óleo na minha mão, deu uma molhadinha e pasmem, não é que o óleo fez espuma? Depois, lavei a região que ficou mega-hiper-ultra macia. Resultado, levei o óleo e não fico mais sem! Já estou no segundo frasco.

As alterações hormonais deste período afetam também o rosto, principalmente se você tem (como eu) a pele oleosa. Para amenizar o sofrimento mantive meu pequeno ritual diário - gel de limpeza + acído azeláico + protetor solar. Desta forma, mantive a uniformidade da minha pele. 
As unhas também ganharam atenção especial. Como eram sempre enormes e pintadas fui aos poucos lixando e me acostumando com elas bem curtinhas. E, para aliviar os inchaços da gestação que ocorrem também no inverno, fazia sessões de drenagem linfática aos finais de semana e caminhadas esporádicas.

Tudo isso aliado a uma boa alimentação e um bom pré-natal, permitiram que minha gestação fosse muito bem aproveitada. Com 41 semanas de gestação tinha engordado 13Kg, estava sem estrias e preparada para o parto!

Nenhum comentário:

Postar um comentário